sábado, 5 de julho de 2008

PCdoB indica Leila Márcia a vice

Neste sábado, dia 05 de julho, em reunião na sede estadual do Partido dos Trabalhadores (PT), a Frente Belém Popular que reúne os partidos: PT, PCdoB, PSB, PHS, PMN e PTN, confirmou a indicação da jovem liderança feminina Leila Márcia Santos a vice do candidato a prefeito professor Mario Cardoso. Em uma longa reunião os partidos decidiram apoiar os candidatos para disputar a sucessão a prefeitura da cidade das mangueiras.
“ O povo de Belém está ansioso por mudanças, não agüenta mais a incompetente administração municipal de Duciomar Costa, atual prefeito. Os problemas da cidade como transporte, segurança, saneamento, habitação, moradia entre outros, só aumentaram nos últimos quatro anos. É hora da esquerda voltar a conduzir a administração municipal e da esperança de dias melhores para o povo da capital paraense” afirma Leila Marcia.

Estiveram presentes na reunião lideranças como Neuton Miranda, Gerente Regional do Patrimônio da União, Zé Geraldo, Deputado Federal do PT; Cláudio Puty, Chefe da Casa Civil do Governo do Pará; Roberto Martins, Secretário Adjunto da Secretaria de Justiça e Direitos Humanos; Ademir Andrade, ex – Senador da Republica; Jorge Panzera, Vice Presidente Estadual do PCdoB; João Batista, Presidente Estadual do PT; os dirigentes municipais do PCdoB e do PT, atuais vereadores do PT, além de varias lideranças partidárias e do movimento social de Belém.

A Frente Belém Popular, vai com toda força para essa disputa, pois Mario Cardoso já foi experimentado nas urnas,três vezes como deputado estadual pelo PT é também experiente liderança sindical. Como candidato ao senado, obteve cerca de um milhão de votos nas últimas eleições, e conta com a presença de Leila Márcia, jovem, mulher, mãe e líder do Bloco de Esquerda em Belém, com uma tradição no movimento estudantil, a frente de uma das principais batalhas da história do Brasil que foi o movimento Fora Collor.

A luta Proporcional

Também, a Frente Belém Popular conta com o apoio de três chapas de vereadores que forma o Bloco de Esquerda e reúne os Partidos: Chapa PCdoB, PHS e PMN, chapa PT e PSB, e a chapa formada pelo PTN que disputam as 33 vagas na câmara municipal de Belém.

Firmeza e altivez levaram os comunistas a Vice

Sem duvidas, devemos elogiar a postura das direções municipais e estadual do PCdoB, no qual conduziram os interesses da luta do povo nessa construção popular.

O partido depois da última eleição aonde teve seu projeto eleitoral derrotado no estado além de sofrer algumas defecções, encontra-se em processo de fortalecimento: Construiu a Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil - CTB; papel destacado na construção do Fórum Social Mundial, presente no Governo Estadual e presente no centro da luta política do Estado do Pará. A legenda comunista foi disputada para indicação da vice por vários partidos como o PMDB de José Priante.

Constituímos uma chapa ampla de vereadores com dezenas de comunistas, lideres sindicais, da juventude, das mulheres, da luta dos trabalhadores formais e informais. Lideranças respeitadas pelo movimento popular e pela sociedade em Belém.

Dessa forma o PCdoB vai se constituindo como um importante partido, protagonista na luta política paraense e vai contribuir para condução de Mário Cardoso e Leila Márcia na Prefeitura Municipal de Belém.
Neste sábado, dia 05 de julho, em reunião na sede estadual do Partido dos Trabalhadores (PT), a Frente Belém Popular que reúne os partidos: PT, PCdoB, PSB, PHS, PMN e PTN, confirmou a indicação da jovem liderança feminina Leila Márcia Santos a vice do candidato a prefeito professor Mario Cardoso. Em uma longa reunião os partidos decidiram apoiar os candidatos para disputar a sucessão a prefeitura da cidade das mangueiras.
“ O povo de Belém está ansioso por mudanças, não agüenta mais a incompetente administração municipal de Duciomar Costa, atual prefeito. Os problemas da cidade como transporte, segurança, saneamento, habitação, moradia entre outros, só aumentaram nos últimos quatro anos. É hora da esquerda voltar a conduzir a administração municipal e da esperança de dias melhores para o povo da capital paraense” afirma Leila Marcia.

Estiveram presentes na reunião lideranças como Neuton Miranda, Gerente Regional do Patrimônio da União, Zé Geraldo, Deputado Federal do PT; Cláudio Puty, Chefe da Casa Civil do Governo do Pará; Roberto Martins, Secretário Adjunto da Secretaria de Justiça e Direitos Humanos; Ademir Andrade, ex – Senador da Republica; Jorge Panzera, Vice Presidente Estadual do PCdoB; João Batista, Presidente Estadual do PT; os dirigentes municipais do PCdoB e do PT, atuais vereadores do PT, além de varias lideranças partidárias e do movimento social de Belém.

A Frente Belém Popular, vai com toda força para essa disputa, pois Mario Cardoso já foi experimentado nas urnas,três vezes como deputado estadual pelo PT é também experiente liderança sindical. Como candidato ao senado, obteve cerca de um milhão de votos nas últimas eleições, e conta com a presença de Leila Márcia, jovem, mulher, mãe e líder do Bloco de Esquerda em Belém, com uma tradição no movimento estudantil, a frente de uma das principais batalhas da história do Brasil que foi o movimento Fora Collor.

A luta Proporcional

Também, a Frente Belém Popular conta com o apoio de três chapas de vereadores que forma o Bloco de Esquerda e reúne os Partidos: Chapa PCdoB, PHS e PMN, chapa PT e PSB, e a chapa formada pelo PTN que disputam as 33 vagas na câmara municipal de Belém.

Firmeza e altivez levaram os comunistas a Vice

Sem duvidas, devemos elogiar a postura das direções municipais e estadual do PCdoB, no qual conduziram os interesses da luta do povo nessa construção popular.

O partido depois da última eleição aonde teve seu projeto eleitoral derrotado no estado além de sofrer algumas defecções, encontra-se em processo de fortalecimento: Construiu a Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil - CTB; papel destacado na construção do Fórum Social Mundial, presente no Governo Estadual e presente no centro da luta política do Estado do Pará. A legenda comunista foi disputada para indicação da vice por vários partidos como o PMDB de José Priante.

Constituímos uma chapa ampla de vereadores com dezenas de comunistas, lideres sindicais, da juventude, das mulheres, da luta dos trabalhadores formais e informais. Lideranças respeitadas pelo movimento popular e pela sociedade em Belém.

Dessa forma o PCdoB vai se constituindo como um importante partido, protagonista na luta política paraense e vai contribuir para condução de Mário Cardoso e Leila Márcia na Prefeitura Municipal de Belém.

3 comentários:

Renato disse...

Finalmente, fez-se a luz.
Não sei de quem era aquela ideia absurda e ridícula de pensar em apoiar o Priante.
Agora sim fica tudo as claras:
PCdoB apoia PT.
Zeca Pirão apoia priante.
Aliás Pirão é feito de farinha e de farinha eles entendem bem, pois são farinha do mesmo saco!

Anônimo disse...

O QUE DIRÁ A BANCADA DANTAS ?

Paulo Henrique Amorim

Máximas e Mínimas 1244

. O Conversa Afiada perguntou ao Senador Heráclito Fortes e ao deputado José Eduardo Cardozo o que acharam da prisão de Daniel Dantas.

. Os dois são os líderes da Bancada Dantas, respectivamente, no Senado e na Câmara.

.DS APOIOU CARDOZO, LÍDER DA BANCADA DANTAS E PORTADOR DE SEU CRÉDITO, PARA PRESIDENTE DO PT. ISTO É: SORIANO E RAUL PONT QUERIAM ENTREGAR O PT PARA DANIEL DANTAS.

Francisco Castro disse...

Olá, gostei muito do seu blog e de sua abordagem.

Parabéns!

Um abraço