segunda-feira, 9 de junho de 2008

UJS realiza maior congresso de sua história no Pará e me reelege presidente...


O Congresso Estadual da UJS no Estado do Pará teve inicio no dia 07 de junho do Auditório da Universidade do Estado do Pará com a presença de aproximadamente 150 jovens de todo o Estado que chegaram à capital paraense das mais diversas formas, de barco ou de ônibus com viagens que duraram até 18 horas. No ato de abertura houve uma mesa mediada pela Jornalista Angélica Muller retratando a Memória do Movimento Estudantil, tendo como convidados e debatedores a Comunista Eneida Guimarães, militante histórica do Partido Comunista do Brasil e que desempenhou importante papel na década de 60 na luta contra a Ditadura Militar e o ex-presidente da União Nacional dos Estudantes (UNE) na gestão 87/88, o paraense Valmir Santos, que teve a importante Tarefa de conduzir a entidade em pleno período de democratização do Estado Brasileiro.
Em seguida deu-se a composição da mesa de abertura Oficial do Congresso que foi composta por Marcela Nogueira (Diretora PA/AP da UNE), Marcão Fonteles (Presidente da CTB/PA), Paulo Vinicius (Direção Nacional da UJS), Tiago Brito (Representando a JPMDB), Raimundo Cezar (Representando a JPT) e Rodrigo Moraes (Presidente UJS/PA e Pré-Candidato a Vereador em Belém do Pará)
Durante todo o domingo (08/06) a juventude Paraense debateu a Tese do Congresso Nacional que foi apresentada pelo Membro da Direção Nacional da UJS, Paulo Vinicius. Dezenas de jovens expuseram suas opiniões sobre conjuntura nacional, conjuntura internacional, debates de frentes apresentando importantes contribuições para o enriquecimento da Tese de balanço da gestão cessante e que norteará as ações da UJS nos próximos dois anos.
Em seguida foi lida e aprovada a nominata dos Delegados Paraenses ao Congresso Nacional e imediatamente eleita a nova Direção Estadual que aprovou a reeleição do Jovem Comunista Rodrigo Moraes, que terá a importante tarefa de manter a entidade no rumo do crescimento com unidade e na busca de novos desafios como o de eleger no próximo processo eleitoral candidatos comprometidos e ligados à luta do provo.
Após o Congresso, em clima de muita festividade, os jovens comunistas se dirigiram para uma confraternização às beiras da Baia do Guajará para contemplar o pôr do sol da capital paraense e comemorar mais um grande congresso ao som de muito Lundu e Carimbó.


De Belém (PA),

Salas Carvalho
Diretor Estadual de Comunicação UJS/PA

Um comentário:

Juventude em Pauta disse...

Meu camarada, parabéns por essa reeleição. É uma ótima notícia.


Abraços,

Leopoldo Vieira