quinta-feira, 13 de setembro de 2007

“Globo” e “Veja” dançaram solenemente. Renan absolvido!

Por Bernardo Joffily


O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), foi absolvido por 35 votos a 40 (e seis abstenções) na votação em plenário da tarde desta quarta-feira (12). Com isto foi arquivado o processo em que ele era acusado, com base em denúncia da revista Veja, de receber dinheiro de um lobista da construtora Mendes Júnior. Mas há outros dois processos contra Renan no Conselho de Ética da Casa, e a coalizão oposicionista-midiática promete uma guerra sem trégua.
Os senadores oposicionistas que acabavam de sair do plenário , após a sessão de votação que foi secreta, deram as indicações de como pensam conduzir a crise. Primeiro, destacaram a existência de mais dois processos, que podem se transformar em três, ou mais, alimentados por novas denúncias na mídia. Segundo, responsabilizar o PT.
O último aspecto é atribuido ao trabalho dos senadores petistas Ideli Salvatti (SC) e Aloizio Mercadante (SP). Embora a votação tenha sido secreta, e mesmo parlamentares do DEM reconhecessem que Renan recebeu votos de seus correligionários, o partido do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, com seus 12 senadores, foi escolhido como o responsável pelos 40 votos que absolveram Renan.
O presidente do Senado ganha fôlego com a votação. O oposicionista Alvaro Dias (PSDB-PR) admitia na TV Senado que, após o resultado de hoje, as outras acusações "perdem força". No entanto, manteve a defesa de que os processos devem prosseguir.

Ele tem prometido prosseguir sua resistência, sem renunciar nem ao mandato e nem ao cargo, que implica também na presidência do Congresso Nacional. Em declaração na segunda-feira passada, ele atribuiu a resistência a uma questão de seu "caráter", o que indica que não pretende esmorecer nem recuar.

2 comentários:

paula disse...

O senador faltou com DECORO parlamentar. Exibiu documentos FRIOS. É compreensível o empenho de LULA em sua absolvição. Mas o do PC do B???????????? Não concordo com esta campanha pró-RENAN!
Me parece por demais GOVERNISTA!
E não é isso q temos criticado em nossos fóruns? Uma certa independência em relação ao governo?

paula disse...

O senador faltou com DECORO parlamentar. Exibiu documentos FRIOS. É compreensível o empenho de LULA em sua absolvição. Mas o do PC do B???????????? Não concordo com esta campanha pró-RENAN!
Me parece por demais GOVERNISTA!
E não é isso q temos criticado em nossos fóruns? Uma certa independência em relação ao governo?

Paula Goto