quarta-feira, 23 de janeiro de 2008

UMES RESGATA CULTURA ESTUDANTIL EM BELÉM

A UMES comemorou no ultimo sábado 19 de janero 5 anos de reconstrução pòs ditadura sendo sua principal caracteristica o estimulo a dirsidade artistia cultural a direção da UMES com pouca estrutura mas com muita força de vontade realizou um ato marcante na historia das entidades estudantis secundaristas do Pará resgatando o historico CPC "centro popular de cultuda " que segundo históricos da UNE foi de grande referencia na decada de 60 com a ditadura fez se perder essa história voltando em 90 os CUCA' S "centros universitários de cultura e arte .

PARABÉNS A UMES .....

5 comentários:

Anônimo disse...

onde vai ser o cpc?

Farolito disse...

e a conferencia de juventude rodrigo? como anda, agora que és o chefão do conselho da juventude? acho que o teiu blog podia ser um espaço de informes da conferencia também até pq é a sejudh que esta a frente né?

abs,

Anônimo disse...

Fala Rodrigão!!!

Tou com sua logo pronta, mas não tenho seu email.

Aproveita e dá uma olhada no nosso site:

http://www.p2publicidade.com.br

E no blog:

http://www.p2publicidade.com.br/blog/

Abraços,

Mauro Panzera

Rodrigo Moraes disse...

Concordo com vc ..
em breve colocaremos informações da conferência..

Anônimo disse...

Caro Rodrigo,

Tomei do conhecimento do teu blog através do blog do Léo e concordo com o Farolito sobre fazer desse espaço um ambiente também de debates sobre a Conferência Estadual de Juventude. Pensando assim vou reproduzir aqui comentário que postei no Juventude em Pauta para ensejar as discussões. Há outros comentários lá sobre esse assunto, creio que ele seja a bola da vez no universo das tribos jovens:

"Caro Leo,

Falta mesmo é a conferência vingar aqui em nosso estado, onde o que vemos é o império da desorganização. Reuniões em que reina as "casinhas" contra uma liderança ou outra, que estão há meses acontecendo para marcarem novas reuniões e tirarem novas (e mesmas) comissões e o que se tira de consluão é que o que andou até agora foi apenas o projeto (pauta e calendários) escrito da conferência. Nem orçamento possui bem definido pelo governo. É notória a impaciência do representante da SG da Presdidência com o assunto que tem "esquentado" certas orelhas em seus relatórios ao GF. Também, pudera, há uma briga infinita ali por quem aparece, assina, fala oficialmente sobre o assunto e isso tem produzido até mesmo atropelos à Secretária de Justiça que deveria ser a primeira aliada. Um órgão que é imporantíssimo, que é o de juventude, tenta, por má condução, ignorar a hierarquia administrativa que, neste caso, para os políticos inteligentes, potencializam e ajudam, e fazer contatos com prefeituras e outras instituições internas e externas ao governo sozinha. De índole sectária e estreita, buscaram desde o primeiro instante excluir órgaos que pdoeriam criticar a condução das coisas e quem consideram inimigos "ideológicos".
Agora a grande pauta é discutir como reduzirão a participação da sociedade civil na delegação que irá para a etapa nacional.
Enfim, uma pena.
Vamos esperar os fatos e que Deus ilumine essa turma e façam com que reencontrem com a serenidade e sensatez necessárias ao exercício da boa política."